Conto | Dia de Carnaval

A rua se encheu de confete e serpentina. As fantasias brilhavam à luz do sol enquanto os foliões riam, dançavam e cantavam ao som das marchinhas de carnaval. O calor de fevereiro subiu do asfalto e invadiu os corpos pintados e suados no meio de Ipanema. A praia, ao fundo, abriu alas para os mascarados que desejavam recuperar as energias junto às ondas do mar.

Era mais um dia de festa no Rio de Janeiro.

Continuar lendo “Conto | Dia de Carnaval”