Conto | Mas é pavê ou pá…

Por: Camila Servello Aguirre

Precisei abrir o primeiro botão da calça. Naquele ritmo, terminaria a noite mais obeso do que o leitão que devoramos. Largado para trás, começava a achar a cadeira o local mais confortável do mundo. O calor, tão comum em dezembro, era ainda pior com o estômago cheio. Meus movimentos eram letárgicos e suor escorria em grossas gotas. Seria culpa do vinho ou daquela lerdeza após uma refeição farta?

Não dispensava atenção a mais nada. Não que não quisesse, mas era simplesmente impossível. Estava curtindo aquele momento único de contemplação, perdido em pensamentos, sentido a barriga cheia e hipnotizado pelas luzes que piscavam coloridas do lado de fora da janela. Não dava para responder à tia que perguntava sobre “as namoradinhas”, ou ao pai pedindo que fosse buscar mais uma cerveja, nem ajudar a avó que trazia mais uma pesada travessa de alguma guloseima. Pelo amor de Deus, não cabe mais nada aqui dentro! Dava tapinhas pouco acima do umbigo esperando que houvesse algum alívio. Os primos menores, correndo e gritando pela casa, me perguntavam alguma coisa com insistência. Eles, eu fazia questão de ignorar. Continuar lendo “Conto | Mas é pavê ou pá…”

Entrevista | André Vianco

Por: Camila Servello Aguirre

Não é todo dia que você tem a oportunidade de tomar um cafezinho com um dos mais emblemáticos escritores nacionais da atualidade. Morar em Osasco tem as suas vantagens. André Vianco, o homem que trouxe os vampiros para o Brasil, disponibilizou um tempo na agenda para esta entrevista interessante e esclarecedora.

Quando André Vianco resolveu colocar vampiros nas ruas de Osasco as coisas mudaram. A cidade se tornou palco de uma contenda nunca antes concebida e a literatura nacional atual acabava de ganhar um dos seus maiores nomes. Dezesseis anos depois, Vianco é referência quando o assunto é escrever sobre o que é nosso. Sem dúvida ele foi um dos pioneiros em trazer toda a mudança que a literatura sofreu nos últimos. Ele abriu portas e possibilidades que até então eram pouco cogitadas pelos escritores. Seus livros com vendas expressivas arrebataram milhares de fãs por todo esse Brasil e influenciaram uma nova geração de contadores de histórias. Continuar lendo “Entrevista | André Vianco”

Resenha | Dartana

Por: Camila Servello Aguirre

O novo livro de André Vianco, Dartana (Fábrica 231, 2016), é uma surpresa para seus leitores. Sem dúvida este livro é completamente diferente de tudo que ele já publicou, mas sem deixar de lado sua voz narrativa, que conquistou uma legião de fãs.

Dartana é um planeta mergulhado na sombria ignorância. Seus viventes não conseguem adquirir nenhum conhecimento ou ter pensamentos mais complexos; portas são apenas pedaços de madeira que fecham de maneira rudimentar a entrada de suas casas, animais ficam soltos nos campos sem que haja qualquer tipo de cerca para prendê-los. Ali, ninguém parece capaz de sequer inventar a roda e não há qualquer tecnologia, parece uma vida de homem das cavernas. Como se não bastasse, doenças e a falta de uma agropecuária satisfatória pioram ainda mais as coisas no desolado planeta. Continuar lendo “Resenha | Dartana”

Artigo | A Hora Certa de Publicar

Por: Camila Servello Aguirre

Recentemente li um romance de uma escritora jovem, adolescente, que nem atingiu a maioridade. Não irei citar nomes, pois não quero que as minhas palavras sejam tomadas como crítica. O que quero é abrir a discussão sobre a hora certa de publicar. Quando uma ideia se torna história e posteriormente livro? E mais, quando escrever deixa de ser hobby e deve ser encarado como profissão? Continuar lendo “Artigo | A Hora Certa de Publicar”

Resenha | Como Escrever Diálogos

Por: Camila Servello Aguirre

Da série Livros para Escritores

Chegamos à cereja do bolo. Sem dúvida alguma, diálogos são o ponto alto de qualquer história. Ao ler um livro, ou ver um filme, você dificilmente irá se lembrar das partes descritivas ou das cenas que mostram apenas uma paisagem, uma casa, alguém comendo um sanduba. Mas tenho certeza de que você tem algum diálogo da sua história preferida na ponta de língua. Ouso arriscar que um dos motivos de você adorar a história é este diálogo em questão. Sabe por quê? Diálogos marcam! Então é de se esperar que esta seja a ferramenta mais poderosa de um escritor. Não estou superestimando o poder do diálogo. Qualquer boa história pode fracassar se não tive diálogos bem construídos. Já sabendo de tudo isso é claro que as expectativas para este livro seriam astronômicas. Aliás, a frase: “Uma boa história pode fracassar se não houver um bom diálogo”, é incessantemente repetida neste livro, como um mantra. Continuar lendo “Resenha | Como Escrever Diálogos”

Resenha | Como narrar uma história

Por: Camila Servello Aguirre

Da série Livros para Escritores

Recentemente resenhei o primeiro livro da Série Guias do Escritor – “Os segredos da Criatividade”, também da escritora Silvia Adela Kohan. Resolvi seguir com a minha leitura e resenha, partindo para aquele que julgo ser o próximo livro da série. Como não há definição de qual volume segue a continuação do outro e, claro, não há uma sequência obrigatória de leitura, acredito que o livro “Como Narrar uma História” seria o próximo da lista. Então, trago hoje, sua resenha. Ainda que não haja este mapa de qual caminho sua leitura deve seguir, fica evidente que o primeiro livro te prepara para este. Se você já sabe como funciona a criatividade, então, está na hora de começar a escrever. Continuar lendo “Resenha | Como narrar uma história”

Conto | Cartão de Crédito Platinum

Por: Camila Servello Aguirre

O dinheiro compra tudo e ele, com os seus milhões, sabia bem disso.

Não foi nem um pouco difícil conseguir um daqueles aviões jumbo, muitas vezes usados no transporte de carga. Daqueles que têm uma porta monstruosa no final do bojo. Gastou uma parte da sua fortuna conquistada no mercado de ações alugando um para si.

Conseguir o piloto foi um pouco mais difícil. O roteiro da viagem não era dos mais convidativos. Quem, em sã consciência, toparia sobrevoar o Triângulo das Bermudas? Mas ele encontrou um veterano da Guerra do Iraque perturbado o suficiente e confiante ao extremo para aceitar aquela empreitada. Precisou de um pequeno desvio do trajeto, pois não sobrevoariam diretamente o lugar e, claro, uma quantia volumosa de dinheiro para massagear o ego do sujeito. Continuar lendo “Conto | Cartão de Crédito Platinum”