Resenha | SAGA

Por: Yuri Szirovicza

(O texto abaixo não contém spoilers)

image2

A história de amor de Romeu e Julieta teve um fim trágico, mas como teria sido a vida de ambos, caso continuassem vivos? Será que o amor deles venceria tudo? Saga, de Brian K. Vaughan (obrigado por ter feito “Fugitivos”) e Fiona Staples é um Romeu e Julieta no qual os personagens decidem continuar seu amor e viajar por um universo “parecido” com o de Star Wars. OK, esse é um jeito muito raso para definir “Saga”, mas fica comigo que já explico porquê esse quadrinho é uma das melhores e mais apaixonantes obras dos últimos anos.

No quadrinho, acompanhamos a história de Marko e Alana, dois soldados em lados opostos de uma guerra que já dura tanto tempo que nenhum dos lados lembra o real motivo dela ter começado, porém, ambos os lados compartilham um ódio mútuo. Apesar da baixa probabilidade, Marko e Alana se apaixonam, fogem juntos e tem uma filha. Atrás deles, a fúria de dois exércitos que temem o que a união do casal e o fruto desse relacionamento representa para a guerra.

Saga é uma aventura de relacionamentos e os personagens muito bem escritos por Brian K. Vaughan e trazidos à vida por Fiona Staples são os grandes responsáveis por isso. Apesar de termos heróis bem definidos, eles possuem diversas falhas, sendo muitas vezes egoístas ou inseguros. Algo similar pode ser dito sobre os vilões. A série possui diversos antagonistas, mas, ao longo da série, as motivações deles se tornam tão verossímeis e relacionáveis que é impossível não sentir empatia por eles em alguns momentos.

Além disso, é impossível falar de quadrinhos e não mencionar a arte. Nesse quesito, Fiona Staples manda muito bem. O roteiro brilhante de Brian ganhou vida nos desenhos dela e as situações, planetas e criaturas que a dupla de novos pais encontra em sua jornada é habilmente conceituada e desenhada por ela.

meio do texto

No fim do dia, Saga é uma história sobre o amor e a vida. Não só o amor romântico, mas o amor que sentimos por filhos, amigos que encaram as situações que a vida joga ao seu lado e amor pelo próximo, mesmo quando este ainda é um completo desconhecido.

O amor e o relacionamento do casal de protagonistas está longe de ser idealizado. Os dois são pais de primeira viagem precisando lidar com as descobertas que criar um filho te obrigam a fazer. Coisas como sogros, ciúmes e relacionamentos que esfriam por desgaste e cansaço. Marko e Alana precisam lidar com esses grandes temas enquanto coisas menores, como uma guerra de séculos e dois exércitos furiosos caçando sua família acontecem a sua volta.

Corra até o local (ou amigo fã de HQ) mais próximo e confira a primeira edição de Saga. Duvido você não se apaixonar por essa ópera espacial bizarra e seus imperfeitos, porém amáveis personagens!


Card alaranjado com a foto e a mini bio do escritor Yuri Szirovicza. A foto dele está do lado esquerdo, com o nome logo embaixo. Ao lado da foto, do lado direito do card, está escrito a mini bio do escritor.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s